O nosso website utiliza Cookies de modo a proporcionar-lhe a melhor experiência de navegação e de acordo com os seus interesses. Para navegar neste website com total conforto, por favor aceite receber todas as Cookies no nosso website. Para mais informação sobre Cookies, por favor consulte a nossa “Política de Privacidade”.

Aceitar Rejeitar

Bombas de Calor

Bombas de calor de aerotermia - monobloco

Bomba de calor aroTHERM

A aroTHERM é a solução perfeita para aquecimento, produção de água quente sanitária e ainda climatização através de um sistema renovável. Tanto para novas habitações como para a renovação de um sistema existente, a bomba de calor ar-água aroTHERM é o sistema adequado para todas estas funções, ocupando pouco espaço, proporcionando até 4 vezes mais eficiência que um sistema de aquecimento puramente elétrico. Produzida com materiais de grande qualidade em fábricas da Vaillant na Europa, é muito simples e fácil de instalar e manusear, possui um moderno e atraente design e só precisa de um controlador para gerir todo o sistema.

Saiba mais sobre a aroTHERM.

Bombas de calor de aerotermia - split

Bomba de calor aroTHERM split (com acumulador)

A aroTHERM split é a solução perfeita para aquecimento, produção de água quente sanitária e ainda climatização através de um sistema renovável. Ao contrário da aroTHERM monobloco, a aroTHERM Split consiste em duas unidades:

A unidade exterior instalada na parede exterior ou no jardim, e a unidade interna, a uniTOWER, com dimensões semelhantes a um frigorifico mas já com o seu acumulador de 190 litros integrado., para além de todos os componentes necessários para a eficiente gestão do aquecimento e AQS. A uniTOWER , com depósito de água quente de 190 litros integrado permite uma instalação fácil, rápida e sem erros.

Saiba mais sobre a aroTHERM split com acumulador.

Bomba de calor aroTHERM split (com módulo hidraulico)

A aroTHERM split é a solução perfeita para aquecimento, produção de água quente sanitária e ainda climatização através de um sistema renovável. Ao contrário da aroTHERM monobloco, a aroTHERM Split consiste em duas unidades:

A unidade exterior instalada na parede exterior ou no jardim, e a unidade interna, o módulo hidraulico, com todos os componentes necessários para a eficiente gestão do aquecimento e AQS, como apoio eléctrico, válvula desviadora ou vaso de expansão.A ampla gama de acessórios que podem ser integrados torna o produto flexível e adequado para uso em qualquer configuração do sistema

Saiba mais sobre a aroTHERM split com módulo hidraulico.

Bombas de calor flexíveis - 3 tipos de energia possíveis

Bomba de calor flexoTHERM

flexoTHERM - Sistema flexível, uma só bomba de calor, três possíveis fontes de energia. Ar-água, água-água ou terra-água.

Máquina reversível (aquecimento e arrefecimento) com produção de água quente sanitária mediante acumulador externo. Módulo plug & play para arrefecimento passivo, integrado na estrutura da bomba de calor. Perfeito para sistemas híbridos com gestão do custo energético, aparelhos extremamente silenciosos, com gestão do nível sonoro piHARMONIC, através do controlo da frequência para evitar desconforto ao ouvido humano. Tudo num moderno design para integração em qualquer local de uma moradia.

Módulo VR 920 incluido de série em todos os modelos.

Saiba mais sobre a flexoTHERM.

Bombas de calor para produção de AQS

Bomba de calor aroSTOR

Com a aroSTOR irá poder disfrutar na sua casa de um nova forma de aquecimento de água utilizando a energia térmica do ar e ainda de uma forma ecológica. E o seu design elegante e o seu funcionamento silencioso permitem-lhe a fácil integração em qualquer divisão da casa!A aroSTOR combinando um acumulador com uma bomba de calor foi concebida em especifico para o aquecimento de água quente sanitária. Integrada na parte superior do acumulador, a bomba de calor está conectada ao exterior por intermédio das suas condutas de ventilação, responsáveis pela sucção do ar exterior, ao qual através de um ciclo termodinâmico captura a sua energia térmica que utiliza para efectuar o aquecimento da água antes desta ser armazenada no acumulador de 300 litros integrado.

Saiba mais sobre a aroSTOR.

Saiba mais sobre o funcionamento das bombas de calor neste video explicativo:

Encontre um especialista Vaillant próximo de si.

As bombas de calor captam a energia natural do solo, de lençóis freáticos ou do ar, gerando poupanças significativas nos custos com o aquecimento, o arrefecimento e a produção de AQS. Não produzem emissões poluentes e mantêm uma boa eficiência, mesmo quando exposta a temperaturas ambiente muito baixas.

Em média para o funcionamento de uma bomba de calor, 75% da energia necessária é retirada do ambiente e somente 25% da energia é fornecida ao sistema, na forma de energia eléctrica.

As bombas de calor são particularmente adequadas para funcionar com pavimento radiante e radiadores de baixa temperatura.

As vantagens dos sistemas bomba de calor da Vaillant:

  • A utilização de fontes energéticas naturais e inesgotáveis
  • Livre de emissões poluentes
  • Eficiência: até 75% da energia provém do ambiente; apenas 25% da energia é elétrica
  • Pode ser utilizada para aquecimento, arrefecimento e produção de AQS
  • Tecnologia de ponta simplificada, com pouca manutenção e longo período de vida

Como funciona a bomba de calor solar

O princípio de funcionamento da bomba de calor é o inverso de um frigorífico. Enquanto que um frigorífico transfere calor do interior para o exterior, a bomba de calor extrai calor do meio envolvente e transfere-o para outro meio. O calor dos lençóis freáticos, do solo ou dar ambiente é absorvido pelo fluido frigorífico e libertado após a compressão. A bomba de calor opera num ciclo de quatro etapas: evaporação, compressão, condensação e expansão.

  1. Na primeira etapa, o fluido frigorífico absorve a energia térmica do ambiente, graças à baixa temperatura do fluido na bomba de calor. Ao fazê-lo, muda para a fase gasosa por causa da baixa temperatura de evaporação do fluido.
  2. O gás daí resultante é comprimido no compressor. As moléculas do gás são friccionadas umas contra as outras como resultado do aumento da pressão num espaço fechado. Isto produz temperaturas elevadas, que serão usadas no circuito de aquecimento.
  3. Na terceira etapa, o gás quente cede o seu calor ao sistema de aquecimento e o fluido frigorífico condensa, passando à fase líquida novamente.
  4. Finalmente, uma válvula de expansão reduz bruscamente a pressão gerada na segunda etapa, para que o fluido frigorífico possa voltar a absorver o calor ambiente e reiniciar o processo.

A função de arrefecimento das bombas de calor

As bombas de calor Vaillant também podem ser utilizadas para o arrefecimento durante o verão. Dependendo das necessidades de arrefecimento e do tipo de sistema instalado, poderá ser utilizado um sistema de arrefecimento ativo ou passivo.

Arrefecimento ativo

A bomba de calor pode ser usada em arrefecimento no verão, ao inverter o ciclo de aquecimento. O calor extraído é depois transferido para a fonte de calor ou seja, o solo, através do compressor. O que antes era o condensador, em arrefecimento comporta-se como o evaporador. Transfere o calor do espaço climatizado para o fluido. O fluido, na fase gasosa é então enviado para o condensador e daí para o permutador de calor que liberta o calor no solo.

Arrefecimento passivo

Se a temperatura do espaço climatizado exceder a temperatura da fonte de energia, a bomba de calor pode funcionar como um “arrefecimento natural”. Do ponto de vista técnico, esta função é muito simples.

No modo de arrefecimento natural, a bomba circuladora do circuito primário é acionada, enquanto o compressor permanece desligado. O meio de transferência de calor (água com anti-congelante) é levado ao permutador onde entra em contacto com a água de aquecimento, que está à temperatura do espaço climatizado e que foi movimentada pelas bombas circuladoras do circuito de aquecimento.No permutador, as temperaturas dos dois circuitos tendem a uniformizar-se. A água agora arrefecida circula no circuito de aquecimento, retirando calor das divisões.

O passivo poupa energia – o ativo é mais eficiente

Ambos os métodos, o ativo e o passivo, permitem a produção de água quente sanitária. O arrefecimento passivo é extremamente económico, devido ao baixo consumo de energia, necessária apenas para operar as bombas circuladoras. No entanto, existem alguns contras quanto ao desempenho e eficiência deste método. Principalmente no final do verão, quando o solo já acumulou uma grande quantidade de calor. Como consequência, a capacidade de arrefecimento deste meio irá diminuir. A função de arrefecimento está disponível em alguns dos nossos modelos de bomba de calor.